.

.
.

MEUS SEGUIDORES

segunda-feira, 31 de dezembro de 2007

*** FELIZ 2008***

SAÚDE

PAZ

AMOR

E

GRANDES REALIZAÇÕES...



Me deixa aqui

Com meus papéis e folhas rabiscadas

E as palavras que ainda escuto

E com as feridas na alma

E com as marcas na vida que ficou sem a tua.

Me deixaAqui com as lágrimas molhadas

Com memórias vidas

E músicas desgastadas

Vai, me deixa aqui,

com a cama vazia

Com o silêncio presente

Com pedaços de vida

que restaram da minha.

Me deixa,

Leva contigo os sorrisos,

as roupas, o beijo

Vai...

Me deixa aqui

Com essa solidão

que resolveu ficar

Com o tempo que não passa e é passado

Com a noite que devora

os resquícios de esperança

Me deixa aqui com o que sobrou de ti

E com o que sobrou de mim...


Carine Da Pieve

É noite mal dormida...

Fico andando pela casa a procura de passado......

ou de você.

E as paredes do meu quarto

já não consigo suportar.

Ouço o silêncio que afaga

e faz carinho pra eu dormir.

E as luzes da cidade

mostram vidas esquecidas

e sem sentido vou vivendo.

O relógio acordado

faz companhia e faz por onde.

Traz você e me avisa,

que viver é difícil.

É altas horas já,

o tempo se dilui ao vento

e o amanhã vai dando espaço

àquilo que a falta de sono

não conseguiu mais conciliar,

Os olhos abrem,

os lençóis se enroscam,

pra quê tanta solidão?

!A cidade dormee

eu levanto pra dizer

que você já não vive em mim...

Eu sei que te esqueci

Mesmo que seja mentira

E o pensamento me faz sobreviver

A outra noite mal dormida e sem você...

Carine Da Pieve.



AMOR ESPIRITUAL!!!Que o teu coração voe contente nasasas da espiritualidade consciente,para que tu percebas a ternurainvisível tocando o centro do teu ser eterno....Que um suave vento te acompanhe,na terra ou no espaço e por onde quer que a força do amor leve o teu viverinvisível....Que o teu coração sinta a PRESENÇA secreta do inexplicável....Que os teus pensamentos, os teus amores, o teu viver, e a tua passagempela vida sejam sempre abençoados por aquele amor que ama sem nome....Aquele amor que não se explica, só se sente....Que esse amor seja o teu rumo secreto,viajando eternamente dentro do teu ser....Que esse amor transforme os teus dramasem luz, a tua tristeza em celebração,e os teus passos cansados em alegres passos de dança renovadora....Que o teu viver seja pleno de paz e luz!!!

Laurinha (Amiga do Orkut)

ESTRELA GUIA..

.José Diogo Barros Corrêa/24-12-2007


Onde anda a estrela guia,
que iluminou a minha infância?
Desfez-se nas brumas do tempo,
engolida na distancia?
Onde anda a estrela guia?
Talvez, brilhando n’outro céu.
Marcando outros caminhos,
de quem se perdeu “a lo léu”...
Onde anda a estrela guia,
Dos reis pastores peregrinos?
Será a “boiera” brilhante,
n’alguns sonhos de meninos?
Onde anda a estrela guia?
Do pedinte estendendo a mão,
que, vê o orgulha que passa,
desviando os olhos pro “não”...
Onde anda a estrela guia;
Em meio a fogos de artifícios?
Brilha no céu dos sem-teto,
ou, nas fachadas de edifícios?
Onde anda a estrela guia,
Em meditação, comedida?
Ou no “agito” dos festejos,
Embaçada na bebida?
Onde anda a estrela guia,
No olhar dos inocentes?
Ou no olhar do “ MENINO”,
embrulhado pra presente?
Onde anda a estrela guia?
Desfez-se, estrela cadente?
“Quizás” brilhe de novo,
Pra um mundo novo emergente.

PÁSSAROS LIBERTOS

Diogo de Bagé

Reculutei (os) meus sonhos,Embretei os pesadelos.No mate “ayuyei*” recuerdos,Bem querenças e anelos.Calcei cacimbas azuis, Por estes campos ao léu.Para saciar minha sede,Bebendo do próprio céu...Pintei horizontes largos,Neste meu longo andejar*.Meu coração criou asas,Com vontade de cantar...Voar, movimento livre,Que da gaiola m’afasta.Cantar, um canto nativo.Porque só voar não basta...E fui cantando pra fora,O que eu guardei pra (cá) dentro.Deixei aflorar da’alma,O mais puro sentimento.E libertei os (meus) pássaros,O que todo dia faço.Pra que voem soberanos,Das gaiolas p’ro espaço...E assim, revi toda obra,Assim refiz toda lida.Canto, meu vôo liberto,Vou renovando “mi’a” vida...Voar, movimento livre...*Andejar - termo usado na fronteira com o mesmo significado de andar. *AYUYEI (Tupy-guarany )

sexta-feira, 28 de dezembro de 2007


Quem sabe nesse verão tudo vai ser melhor
Infinito como a cor do mar...
Suave como o orvalho da manhã...
Sorrindo e sonhando
Vivendo e lutando
Faço meu mundo ser cada vez melhor...
Não olho pra trás
Não choro, nem lamento
Por coisas que já passou...
As mágoas posso não esquecer
Mas tenho um coração
Com capacidade de perdoar
E faço com que o tempo
Cure a minha dor...

quinta-feira, 27 de dezembro de 2007

ANJO MEU...

Com brancas nuvens me envolves
Fazendo-me sentir a camada fina do véu na noite...
Delineando o contorno dos meus lábios
Num beijo doce e macio...
Tem vezes que falo e não escuto
Que choro e não sinto...
Alguém faz isso por mim
E me sinto despida de todos os medos
Que por vezes invadem meu ser...
Não sei quem és,
Mas respiras por mim..
Choras por mim
Sofres por mim
...ama por mim...
Sinto vontade de fugir
E ir além do arco-iris...
Sei; não posso...
Mas quando a noite chega
Transporto-me para onde somente em sonhos consigo ir...
E vou...
Voando...
Volitando...
Sabendo que é apenas um sonho
Um sonho que sinto, vivo e revivo...
Toda vez que comigo estás...
Sinto cada suspiro seu...
E o pulsar do seu coração...
O ruído lá fora torna-se rei
E eu acordo...
Volto mais uma vez aqui...
...a vida atual!
O agora....

terça-feira, 25 de dezembro de 2007


ANJO MEU...


Hoje senti sua presença ...


Pegaste em minha mão e senti o seu calor...


Sei quando chega


E sinto quando vai...


Por vezes me sinto triste


Mas sei que onde estás; estás feliz...


Então meu coração transborda de felicidade


porque sei que você nunca deixou de amar


e de me cuidar...


Hoje senti mais uma vez a sua presença...


Você estava aqui!


...e por alguns instantes mais uma vez te amei...




:


domingo, 23 de dezembro de 2007


SOMENTE VOCÊ... ( Fáti-Jasmin)




Lembro com carinho

Quando eu falava com vc e vc ainda não estava aqui...

Desde o primeiro momento que soube que vc viria fizemos um pacto...

Um pacto de amor... carinho...cumplicidade...

Chegaste

... e deste vida a minha vida...

Meu mundo ficou mais lindo

As flores mais coloridas...

O céu muito mais azul...

Vc é meu tudo!!!

E sem vc eu me sinto um nada...

Voce é o meu arco-íris e minha chuva...

Se estou triste vc me faz rir

Se estou perdida somente vc consegue me encontrar...

Voce é meu antidepressivo e a música que eu amo ouvir...

Somente vc tem o direito de me dizer se é certo

Ou errado o que eu faço...

Somente vc pode me criticar...

Somente nos teus elogios eu acredito...

Só vc.. somente vc minha filha

Consegue me entender e por isso meu mundo

se torna cada vez mais maravilhoso...

Te amo vida minha!!!




E o convite por mim foi recusado...
não tive outra escolha..
algo me impedia naquele momento
você sabia...
Mas o desejo foi mais forte...
e você voltou...
Olhou em meus olhos e disse:
Vamos olhar a chuva!!?Aquele olhar...
ficou gravado em minha memória...
ainda penso em ti.
Aquela chuva caía...
fria...
como se quisesse apagar nosso passado
fazendo com que uma nova página fosse escrita...
Aqui estamos...
o destino sorriu pra mim
fez com que surgisse novamente em minha vida
depois de tanto tempo..
Estou aqui...
esperando-te para juntos admirarmos
cada pingo dessa chuva
que cai
suave em nossas vidas...


Autoria:

Fáti Jasmim

sábado, 22 de dezembro de 2007


MAIS UMA VEZ...


A noite chegou

e com ela a escuridão...

A lua desapareceu

As estrela não brilharam

Meu pensamento ficou

perdido na escuridão...

O vento abafou meu pranto

A brisa do orvalho secou

A lua se distanciou

E meu sentimento ficou

escondido entre as nuvens...

Quem me dera sonhar

com a próxima noite...

Com ela voltar a alegria

Mandar embora toda essa nostalgia

Que se alojou dentro de mim

E novamente sonhar

Que essa dor tenha um fim...



Esperei tanto por esse momento...
enfim chegou...
E agora!?
Felicidade é o que sinto...
Mas tenho tantas dúvidas
Não estou disposta a me decepcionar mais uma vez...
Não mereço...
Abri mão de tudo por você..
Não estou te cobrando nada..
pois não me arrependo..
Na verdade sim...
de não ter feito o que estava sentindo naquele momento
me esquivei o quanto pude
mas foi em vão
pois você preencheu minha vida de luz
esperança...
desejo...
Ah como desejo...
Estar junto de ti em todos os momentos..
sem te sufocar com meu amor...
apenas saber que você também me quer..
se não for dessa maneira...
pra me amar como te amo
então vá...
Pois meu amor é grande
mas não dá pra nós dois...


Autoria:

Fáti-Jasmin

sexta-feira, 21 de dezembro de 2007




Entre as teclas do computador

meus dedos deslizam procurando, achando, perdendo e ganhando...

Encontro sonhos, magias...

Procuro caminhos e encontro vidas procurando vidas...

O dia vai

A noite chega e com ela

A madrugada...

Me perco entre sonhos e fantasias...

Brinco com as letras

E com elas formo palavras, frases e rimas...

Encontro Paixão e amores esquecidos...

A madrugada me trás você...

Que chega e fica brincando de sonhar

De sorrir , de amar...

O silêncio cala

O pensamento fala e as teclas escrevem...

Eu amo a madrugada...

Ela me inspira

Ela me apaixona

Ela me aproxima de você...

Maura Theobald

utoria)

quinta-feira, 20 de dezembro de 2007


UTOPIA

Saudades de tudo o que não toquei, que não vivi, que não amei
Saudades de você...
Saudades do momento, do carinho, do pensamento
Saudades de você...
Saudades da caminhada, da noite enluarada, da fria madrugada, do corpo que não me aqueceu
Saudades de você...
Do abraço carinhoso, da emoção que não senti, do beijo ardoroso que não foi dado ali
Saudades de você...
Saudades dos nossos sonhos, das palavras ditas, das cartas não escritas
Saudades de você...
Saudades de um lugar tranquilo e calmo, do teu corpo ao meu colado, do momento que não vivi
Saudades de você...
Saudades desta ilusão, de tudo que pra mim é não!
Saudades de você...
:

quarta-feira, 19 de dezembro de 2007

sábado, 15 de dezembro de 2007

Tô Nem Aí

Luka

Composição: Luka

De mãos atadas, de pés descalçosCom você meu mundo andava de pernas pro arSempre armada, segui seus passosAtei seus braços pra você não me abandonarNão me lembro seu nome, seu telefone eu fiz questão de apagarAceitei os meus erros, me reinventei e virei a páginaAgora eu tô em outra....Tô nem aí, Tô nem aí...Pode ficar com seu mundinho, eu não tô nem aíTô nem aí, Tô nem aí...Não vem falar dos seus problemas que eu não vou ouvirBoca fechada, sem embaraçosEu te dei todas as chances de ser um bom rapazMas fui vencida pelo cansaço, nosso amor foi enterrado e descansa em pazNão me lembro seu nome, seu telefone eu fiz questão de apagarAceitei os meus erros, me reinventei e virei a páginaAgora eu tô em outra...Tô nem aí, Tô nem aí...Pode ficar com seu mundinho eu não tô nem aíTô nem aí, Tô nem aí...Não vem falar dos seus problemas que eu não vou ouvirTô nem aí, Tô nem aí , pode ficar com seu mundinho eu não to nem aíTô nem aí, Tô nem aí, não vem falar dos seus problemas que eu não vou ouvir!!!








Perigosa


Composição: Rita Lee / Roberto De Carvalho / Nelson Motta



Sei que eu sou

Bonita e gostosa

E sei que você

Me olha e me quer

Eu sou uma fera

De pele macia

Cuidado garoto!
Eu sou perigosa...

Eu tenho um veneno

No doce da boca

Eu tenho um demônio
Guardado no peito

Eu tenho uma faca

No brilho dos olhos

Eu tenho uma louca

Dentro de mim...

Eu posso te dá

Um pouco de fôgo

Eu posso prender

Você meu escravo

Eu faço você

Feliz e sem medo...

Eu vou fazer

Você ficar louco

Muito louco

Muito louco

Dentro de mim

Muito louco, louco

Dentro de mim...

...e o ano está acabando!

Que foi que eu fiz?

O que foi que aconteceu?

Sofri, chorei, lutei, venci...

Como é maravilhoso,

reviver fatos que na hora pareciam ser incorretos...

Mas com o decorrer do ano

dá-se a prova que realmente foi o certo...

Como é bom sentir que valeu!!!

Agradeça a Deus pelas teus fracassos

E pelas tua vitórias sempre...

sexta-feira, 14 de dezembro de 2007


O MEU NATAL


José Diogo Barros Corrêa

Renego o natal da economia,

do consumismo desatinado,

que mostra o Cristo nascente,

na luta do dia a dia,

embrulhado p'ra presente.

Não quero natal de opulências,

que vai matando a inocência,

no olhar triste de crianças,

que vivem na mendicância,

abandonadas e carentes.

Quero o Cristo do natal,

do natal verdadeiro,

o Cristo por inteiro,

que ganha o pão com o suor

e o trabalho das mãos.

Busco o Cristo dos vileiros,

dos sem tetos e sem afetos,

dos tristes de coração,

dos sofridos que acolhem,

o Cristo de seus irmãos.

Quero o natal do Senhor.

Não o natal dos enganos,

materialista, desumano;

Mas, o natal verdadeiro,

da paz que nos conduz,

da pobreza na manjedoura,

da inocência duradoura,

toda feita de luz,

da singeleza do Teu amor,

da Tua paz,

CRISTO JESUS!

terça-feira, 11 de dezembro de 2007


Não reclame da vida, do tempo. das pessoas...

Não diga que está tudo errado e que nada mais vale a pena

Não desame diante as dificuldades

Sabe, existem pessoas que sorriam chorando

E acham a vida maravilhosa...

Pessoas que sofrem por dentro, choram e não aparentam

Pessoas que encontram pedras e mais pedras em seus caminhos

E continuam batalhando para serem felizes...

Não seja ipócrita em procurar culpado para os seus erros...

Feliz é aquele que reconhece sua fraqueza

Feliz é aquele que encontra um ombro amigo

Feliz é aquele que nunca perde suas esperanças...

Sabia que Deus está ao seu lado e jamais te abandona?

Sabia que basta apenas se humulhar diante Dêle

Faça isso amigo!

Êle está pronto para te ajudar!!!

Basta ter Fé e em Cristo acreditar...
Maura Theobald.

sábado, 8 de dezembro de 2007

ENCONTREI NA NET ESSA MÚSICA E ME ENCANTEI COM A LETRA...




Maura Lyrics (Vagabanda)

Vagabanda - Maura Lyric

Quando vejo as estrela lá fora
Começo a pensa em você
No teu lindo sorriso e no brilho do teu olhar
Todo dia eu me levanto
Pensando em você e num jeito de falar
Eu te amo e falar que eu não quero te perder
Eu quero você para sempre
Eu quero você pra mim
Eu resolvi fazer essa musica para você
E que eu te quero mas que tudo

Maura eu te amo e quero gritar pra todo mundo ouvi
E saber o quanto eu sinto por você
Até deixei vestígio pra você me seguir
Maura eu te amo.

Nunca.. será possível te esquecer por que eu te amo
E quero você pra mim
Eu quero você pra minha vida inteira
Meu amor eu não sabia como ti mostra o quanto te amo
E resolvi fazer uma musica
Mas so consigo cantar o refrão

Eu quero lhe falar que você estará
Marcado no fundo da memória
No fundo do meu coração...pra vida inteira
Vou falar uma coisa quero que ouça
Que você estará guardada pra minha vida inteira

Na pagina bem especial do meu coração e
Eu te amo
Maura eu te amo...

Maura menegon
Olá Valter!!!
Seja bem vindo!
Esse é o meu mundo mágico da Poesia...

Fiquei esperando você passar,
Pra te dar meu telefone,
Te contar todos meus planos,
Falar que meu sorriso é só pra ti,
Te tocar fora dos meus sonhos,
Fazer realidade meus papéis,
Provar o beijo das poesias,
Ter certeza que você é pra mim...
:\ Mas você não veio
e da noite ao teu lado que eu queria,
sobrou a solidão pela manhã no espelho
eu dormi sozinha
esperando você no mesmo lugar
com a esperança de que venha me buscar
pra que me leve com você
até o fim da linha, da vida,
pois eu não consigo te esquecer.
Fiquei esperando o teu sorriso,
E o teu olhar perdido, que as vezes encontra o meu,
E na hora exata, você não passou,
Levou meus desejos, que eram os mesmos teus,
Não deixou teu telefone, nem teu nome
E levou o meu amor...

Carine Da Pieve
Porto Alegre
:\

Se eu pudesse voltar no tempo
Estaria agora nos braços de quem não conheço
Descobrindo novos beijos entre as cobertas
Ouvindo a noite... e a chuva.
Se eu voltasse no tempo
Eu saberia teu nome, teu jeito, teu gosto,
E tua voz em meus ouvidos
Seria na eternidade uma lembrança
Como os sonhos de hoje
E o passado do agora.
Ah, se o tempo voltasse,
Seria o teu corpo ao meu lado na cama
O teu abraço na manhã nublada do amanhã
E o teu cheiro a exalar na minha alma vazia.
Se eu voltasse no tempo
Iria provar do teu beijo antes de trancar a porta
E arrancaria o teu sorriso dos meus pensamentos,
Pra me dar boa noite, no lugar da solidão,
Eu te faria música,
E não te esqueceria antes do fim da linha.
O tempo... se eu pudesse voltar...
Te traria pra mim, pediria colo
Dormiria em teus braços...
... até você pedir pra ir embora
Se eu pudesse voltar no tempo
Eu saberia onde te encontrar
E não estaria aqui pensando em você...
... estaria contigo!
Carine Da pieve
Porto Alegre

sexta-feira, 7 de dezembro de 2007


O NATAL ESTÁ CHEGANDO...
ABRA SEU CORAÇÃO E DEIXE
CRISTO NELE RENASCER...

terça-feira, 4 de dezembro de 2007

A vida..

Mário Quintana

A vida são deveres que nós trouxemos pra fazer em casa.
Quando se vê já são seis horas!
Quando se vê, já é sexta-feira...
Quando se vê, já terminou o ano...
Quando se vê, passaram-se 50 anos!
Agora, é tarde demais para ser reprovado...
Se me fosse dada, um dia,
outra oportunidade,eu nem olhava o relógio.
Seguiria sempre em frente e iria jogando,
pelo caminho,a casca dourada inútil das horas...
Dessa forma eu digo, não deixe de fazer algo
que gosta devido a falta de tempo,
a única falta que terá,
será desse tempo queinfelizmente não voltará mais.


Pai, me perdoa essa insegurança,

é que eu não sou maisaquela criança

Que um dia morrendo de medo,

nos teus braços você fezsegredo

Nos teus passos você foi mais eu

Pai, eu cresci e não houve outro jeito,

quero só reencostar no teu peito

Pra pedir pra você ir lá em casa

e brincar de vovô com meu filho

No tapete da sala de estar

Pai, você foi meu herói meu bandido,

hoje é mais muito mais que um amigo

Nem você nem ninguém tá sozinho,

você faz parte desse caminho

Que hoje eu sigo em paz!


(Fábio Junior)

POSTAGENS ANTIGAS

Minha Mãe: MARIA BIESEK MILCHAREK

Minha Mãe: MARIA BIESEK MILCHAREK
Amor para toda vida!!!

MINHA MÃE

MINHA MÃE
Maria Biesek Milcharek

MEU PAI

MEU PAI
Wladislau Milcharek

Avô materno: JACOB BIESEK

Avô materno: JACOB BIESEK

AVÓ MATERNA

AVÓ MATERNA
Genovefa Novakowski Biesek

Avô Paterno: JACÓ MILCZAREK

Avô Paterno: JACÓ MILCZAREK

Avó paterna: FELÍCIA MILCZAREK

Avó paterna: FELÍCIA MILCZAREK