.

.
.

domingo, 17 de fevereiro de 2008


... a noite cai
e o silêncio dos meus sonhos
Parecem não ter fim...
Busco lembranças
Sonhos e esperanças
Nunca busca constante
Entre o início e o fim...
Grito em silêncio
Apenas meus "eus" me ouvem
E sem pressa me consomem
Numa realidade fugaz...
Procuro na imensidão da madrugada
Encontrar o caminho da chegada
Mas parece que cada vez
A realidade do que eu busco
Fica mais distante
e engatinha pra mim...

Nenhum comentário:

POSTAGENS ANTIGAS

Minha Mãe: MARIA BIESEK MILCHAREK

Minha Mãe: MARIA BIESEK MILCHAREK
Amor para toda vida!!!

Avô materno: JACOB BIESEK

Avô materno: JACOB BIESEK

Avô Paterno: JACÓ MILCZAREK

Avô Paterno: JACÓ MILCZAREK

Avó paterna: FELÍCIA MILCZAREK

Avó paterna: FELÍCIA MILCZAREK