.

.
.

domingo, 17 de fevereiro de 2008



Quantas vezes pensei em fugir
a um lugar distante...
Por vezes até fugi!
Mas...tive que voltar!
Quantas noites mal dormidas
e o fantasma do amor
vem me assombrar...
Beijos sentidos
Corpos enlaçados
Numa utopia sem fim...
Procuro na imensidão das minhas noites
Me libertar dessa agonia
que por vezes me faz feliz...
E por vezes me faz sofrer...
Meus lençois são minha companhia
Que envolvem e acariciam
Mais uma mulher
Que na noite está só...

Nenhum comentário:

POSTAGENS ANTIGAS

Minha Mãe: MARIA BIESEK MILCHAREK

Minha Mãe: MARIA BIESEK MILCHAREK
Amor para toda vida!!!

Avô materno: JACOB BIESEK

Avô materno: JACOB BIESEK

Avô Paterno: JACÓ MILCZAREK

Avô Paterno: JACÓ MILCZAREK

Avó paterna: FELÍCIA MILCZAREK

Avó paterna: FELÍCIA MILCZAREK