.

.
.

segunda-feira, 14 de julho de 2008

Destino Cruel




..hoje lembrei do seu rosto
do seu sorriso
e a lágrima rolou...
Senti seus lábios aos meus
e tive vontade de te beijar...
De te amar...
Por alguns instante fantasiei
Acreditando que você era meu!
Mas o vento louco e cretino
de mansinho veio me avisar
Que para mim tu não irás mais voltar
e mais uma vez deste sonho acordei
Sabendo que nunca mais tu serás meu!!!

(Acho que alguém está me devendo uma estátua)

Nenhum comentário:

POSTAGENS ANTIGAS

Minha Mãe: MARIA BIESEK MILCHAREK

Minha Mãe: MARIA BIESEK MILCHAREK
Amor para toda vida!!!

Avô materno: JACOB BIESEK

Avô materno: JACOB BIESEK

Avô Paterno: JACÓ MILCZAREK

Avô Paterno: JACÓ MILCZAREK

Avó paterna: FELÍCIA MILCZAREK

Avó paterna: FELÍCIA MILCZAREK