.

.
.

sábado, 27 de setembro de 2008

LOUCA!!!


Louca!
Ser louca!
Gostaria de saber o que é ser louca...
Será que sou louca?
O que ser louca?
Será que tem aí um louco que possa me responder?
Não!
Não precisa!
Eu sei o que é ser louca!
Sabem porque?
Porque sou dona de mim
Senhora de mim!
Sim, sou louca
e que bela louca que sou!
Quantas gostaria de ser assim como sou
Só que lhes falta coragem
Coragem de enfrentar a vida
Sonhar, viver e lutar!
Coragem de dizer NÃO!
E com suas próprias pernas caminhar...
Sim !
Sou louca...
Que louca maravilhosa que sou!
E assim quero continuar
Disso não quero nunca me curar
Louca!
Muito louca...
Louca por mim
E dos meus sonhos
Jamais desistir !!!

2 comentários:

Julia disse...

Cuánta verdad encierra este poema!!

Bellísimo como siempre!!

Hoy lo postearé en mi blog para que todos los que pasen por él lo lean.

Besos

Monica disse...

Hola, soy de Argentina y te conoci a través del blog de Julia.
Me encantan tus poemas son maravillosos. Encierran magia.
Felicitaciones, estoy muy contenta por haberte conocido. Me hice adicta a tu blog.

Un enorme beso. Mónica

POSTAGENS ANTIGAS

Minha Mãe: MARIA BIESEK MILCHAREK

Minha Mãe: MARIA BIESEK MILCHAREK
Amor para toda vida!!!

Avô materno: JACOB BIESEK

Avô materno: JACOB BIESEK

Avô Paterno: JACÓ MILCZAREK

Avô Paterno: JACÓ MILCZAREK

Avó paterna: FELÍCIA MILCZAREK

Avó paterna: FELÍCIA MILCZAREK