.

.
.

sábado, 29 de maio de 2010

Voar... me transformar!


Queria tanto ter asas para poder voar
Voar para bem alto e as nuvens alcançar...
Queria sentir a brisa do mar,
voar, voar, voar para te procurar...
Quem sabe entre as montanhas, colinas
e no mais alto dos penhascos meu corpo descansar
e lá me acomodar,
para que como a águia minha vida transformar!
Queria tanto...

(maura theobald)

quarta-feira, 19 de maio de 2010

Chico Xavier - SABEDORIA


Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim.
Chico Xavier

Fico triste quando alguém me ofende, mas, com certeza, eu ficaria mais triste se fosse eu o ofensor... Magoar alguém é terrível!
Chico Xavier

"O Cristo não pediu muita coisa, não exigiu que
as pessoas escalassem o Everest ou fizessem
grandes sacrifícios. Ele só pediu que nos
amássemos uns aos outros."
Chico Xavier

"Deus nos concede, a cada dia, uma página de vida nova no livro do tempo. Aquilo que colocarmos nela, corre por nossa conta."
Chico Xavier

Não há problema que não possa ser solucionado pela paciência.
Chico Xavier

"Sonhos não morrem, apenas adormecem na alma da gente."
Chico Xavier

terça-feira, 18 de maio de 2010

Poesias...

Sob o sol da manha,eu a vi caminhando sozinha,na beira da praia
Aproximei-me e diante do brilho dos seus olhos,que brilhavam,como brilham as estrelas no céu..e dos labios que pareciam ter sabor de mel....Parei.
Cabelos longos e loiros,como o brilho de ouro mais puro,esvoaçavam-se como vento
Nada sera a mesma coisa....a sorte não mente,senti seu olhar no meu e um frio percorreu em meu corpo.
Beijei sua pele macia,enquanto caia sobre nós pigos da chuva
Tudo que pensei: beije-me...salve-me....leve-me.
Mas, meus pensamenos segue:
Adeus,vento passageiro,minha vida esta entregue a esta mulher."

(Nelson Costa)

segunda-feira, 17 de maio de 2010

A ÚLTIMA PEDRA- Roberto Shinyashiki

A última pedra


Roberto Shinyashiki


Existem pessoas que não prestam atenção no que fazem e depois passam a vida inteira arrependidas pelo que não fizeram, mas poderiam ter feito, e se martirizam por seus erros.


Gosto de uma música que Frank Sinatra costumava cantar, My way. O curioso é que só fui prestar atenção na letra dessa canção quando escrevia este texto. Ela diz mais ou menos assim: “Se eu acertei ou se errei, fiz isso da minha maneira”.

Quando olho para trás, percebo que fiz muitas bobagens. Acertei bastante, mas também errei bastante. Quando olho para diante, tenho certeza de que vou acertar e errar bastante também. É impossível acertar sempre. Mas o importante é que não gastemos nosso tempo nem nossa energia nos torturando. A autocrítica pelo que não deu certo, além de ser nociva para a saúde, faz que a gente perca os passarinhos que a vida nos oferece no presente.

Um dia destes, um dos meus filhos me perguntou por que eu tomei determinada decisão estúpida tempos atrás. Respondi que me arrependia do que tinha feito, mas expliquei que, naquele momento, minha atitude me parecia lógica. Se eu tivesse o conhecimento e a maturidade de hoje, certamente a decisão seria diferente.

Por isso é que lhe digo: não se torture por algo que não deu certo no passado.

Talvez você tenha escolhido a pessoa errada para casar.

Talvez tenha saído da melhor empresa onde poderia trabalhar.

Talvez tenha mandado uma filha grávida embora de casa.

Não importa o que você fez, não se torture.

Apenas perceba o que é possível fazer para consertar essa situação e faça.

Se você sente culpa, perdoe-se.

E, principalmente, compreenda que agiu assim porque, na ocasião, era o que achava melhor fazer.

Há uma história de que gosto muito: um pescador chegou à praia de madrugada para o trabalho e encontrou um saquinho cheio de pedras. Ainda no escuro começou a jogar as pedras no mar. Enquanto fazia isso, o dia foi clareando até que, ao se preparar para jogar a última pedra, percebeu que era preciosa!

Ficou arrependido e comentou o incidente com um amigo que lhe disse:

– Realmente, seria melhor se você prestasse mais atenção no que faz, mas ainda bem que sobrou a última pedra!

Existem pessoas que não prestam atenção no que fazem e depois passam a vida inteira arrependidas pelo que não fizeram, mas poderiam ter feito, e se martirizam por seus erros. Se você está agindo assim, deixo-lhe uma mensagem especial: não gaste seu tempo com remorsos nem arrependimentos. Reconheça o erro que cometeu, peça desculpas e continue sua vida.

Você ainda tem muitas pedras preciosas no coração: muitos momentos lindos para viver e muitos erros para cometer.

Aproveite as oportunidades e curta plenamente a vida.

terça-feira, 11 de maio de 2010

Lágrimas de dor


Procurei por todos os lados da minha vida
Procurei
Procurei e não consegui te encontrar...
Chegaste de mansinho e fez eu me apaixonar
Partiste sem um simples adeus
Machucou meu coração e fez meus olhos chorar...
Lágriamas de dor
Dor de um grande amor
Que nem o tempo conseguirá apagar...
Um dia sei que isso vai passar
Meus olhos voltarão a sorrir e se você voltar
Juro que vou te apagar de vez do meu coração!

Nosso intecâmbio


Já escrevi tantas cartas, sonetos, poemas e você não lê...
Te chamo, grito seu nome, murmuro palavras de amor e você não me dá retorno
Mil vezes olho para o relógio e ele não fala comigo, apenas sorri e faz tic tac...
Olho pela janela dos meus olhos e procuro te ver, mas somente em meus pensamentos eu consigo te ver...
Será mesmo que um dia eu vou conseguir te abraçar e te dar aquele beijo que tanto eu desejei?
Lá... por duas vezes eu como louca te procurei e queria tanto te dizer:
Desculpa..mas você mexeu comigo.. muito!
Fui lá e não te encontrei...
Voltei mais uma vez e você não estava lá...
Mas, o destino nos uniu atraves dessa página que é o intercâmbio do amor.
Hoje tu não estás, mas sei que amanha eu vou te encontrar;
pelo menos aqui, eu sei que tu vais estar!

segunda-feira, 10 de maio de 2010

Ame!

... tudo passa!
Nada nessa vida é para sempre; nem a vida é para sempre porque um dia a vida também acaba...
Viva, sonhe, ame!
Viva sua vida a cada instante como se sua vida fosse acabar amanhã!
Sonhe, sonhe sempre, sonhe cada sonho impossível porque tudo vale apena!
Ame!
Ame desesperadamente, porque nada melhor nessa vida do que viver para ser feliz!!!

sexta-feira, 7 de maio de 2010

Mãe!


Um dia longe estarei
Ausente dos seus olhos, mas presente de coração...
Meu corpo partirá
Mas meu espírito ao seu lado ficará!
Não quero que chores por mim
Não quero que sofras por mim
Quero que em mim tu te alegre
E saiba que fui feliz...
Minha parte eu fiz
Fui uma mãe zelosa, querida e cuidadosa
Fui presente e se contigo briguei
Foi somente para o seu bem!
Sonhei tanto e nunca desisti
Semeei o bem, o amor e a humildade
Fui guerreira, fui leal
Amiga e mãe de verdade!
Mãe do carinho, da união, do amor e da bondade!
Em minhas orações sempre peço a Deus
que você encontre seu ideal!
Que seja otimista, que enfrente de cabeça erguida as dificuldades,
que se espelhe em mim, que fui uma mãe sem vaidade!
Nunca desista minha filha,
Te espelhe em mim que por você com garra lutou,
que jamais desanimou!
Mãe que não se cansa
que apesar da idade é uma criança,
é carinho,
é paz
é verdade!

"FELIZ DIA DAS MÃES"!

Maura Theobald

quarta-feira, 5 de maio de 2010

O que mais sofremos (Albino Teixeira)


O que mais sofremos no mundo:
Não é a dificuldade.
É o desânimo em superá-la.
Não é a provação.
É o desespero diante do sofrimento
Não é a doença.
É o pavor de recebê-la
Não é o parente infeliz.
É a mágoa de tê-lo na equipe familiar.
Não é o fracasso.
É a teimosia de não reconhecer os próprios erros.
Não é a ingratidão.
É a incapacidade de amar sem egoísmo.
Não é a própria pequenez.
É a revolta contra a superioridade dos outros.
Não é a injúria.
É o orgulho ferido.
Não é a tentação.
É a volúpia de experimentar-lhe os alvitres.
Não é a velhice do corpo.
É a paixão pelas aparências.
Como é fácil de perceber que,
na solução de qualquer problema,
o pior problema é a carga de aflição
que criamos, desenvolvemos e
sustentamos contra nós mesmos.

Albino Teixeira

MENSAGEM (Paulo de Tarso)

Ainda que eu falasse as línguas dos homens e
dos anjos, e não tivesse amor, seria como o
metal que soa ou como o sino que tine.
E ainda que tivesse o dom de profecia, e
conhecesse todos os mistérios, e toda a ciência,
e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse amor,
nada seria. E ainda que distribuísse toda a
minha fortuna para sustento dos pobres , e
ainda que entregasse o meu corpo para ser
queimado, e não tivesse amor, nada disso
me aproveitaria. O amor é sofredor, é benigno;
o amor não é invejoso; o amor não trata com
leviandade, não se ensoberbece. Não se porta
com indecência, não busca os seus interesses,
não se irrita, não suspeita mal; Não folga
com a injustiça, mas folga com a verdade;
Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.
O amor nunca falha; mas havendo profecias,
serão aniquiladas; havendo línguas, cessarão;
Havendo ciência, desaparecerá; Porque, em parte, conhecemos, e em parte profetizamos; Mas,
quando vier o que é perfeito, então o que o é
em parte será aniquilado. Quando eu era
menino, falava como menino, sentia como
menino, discorria como menino, mas, logo
cheguei a ser homem, acabei com as coisas
de menino. Porque agora vemos por espelho
em enigma, mas então veremos face a face;
Agora conheço em parte, mas então conhecerei
como também sou conhecido. Agora, pois,
permanecem a fé, a esperança e o amor,
estes três, mas o maior destes é o amor.

(Paulo de Tarso)

terça-feira, 4 de maio de 2010

Não desista!


Se hoje o dia parece ser pior que tudo o que você já viveu até agora, não desista, não desanime, erga a cabeça e siga a diante!
Nada neste mundo é tão desatroso quanto você perder a fé em si mesmo...
Nada é tão desesperador como perder as forças para lutar!
Nada é tão grande que Deus não possa te ajudar!
Não se entregue amigo!
Busque forças no fundo do seu íntimo, que você se surpreenderá de quanto sua vida é valiosa
e seus problemas diante a visão de Deus é como um grão de areia...
Acredite que amanhã é um novo dia e que a tristeza não dura para sempre!
Se você errou, procure aprender com seu próprio erro!
Quem já não errou?
Se estão apontando o dedo em sua direção e te caluniando, acredite que a sua consciência
é o que vale e dê tempo ao tempo pois somente ele é quem mostra a verdade dos fatos.
Não se importe com o que pensam ou falam de ti...
Não sofra com a maldade alheia porque as pessoas más se deliciam com a tua tristeza.
Saiba que por mais difícil que sejam os seus problemas, você não deve deixe de sorrir e de acreditar em sua própria capacidade.
O mundo é lindo; certas pessoas é que são cruéis.
Siga a diante e não desista dos seus sonhos!
Não tenha medo de abrir os braços e abraçar seus ideias...
Acredite em você porque somente você é quem faz a sua própria felicidade.

theobald, maura

Transparência (Marcelo Defaro)


*** O texto parece extenso, porém muito interessante, se não tiver tempo agora, guarde e leia com calma depois.

"Às vezes, fico me perguntando porque é tão difícil ser transparente?
Costumamos acreditar que ser transparente é simplesmente ser sincero, não enganar os outros.
Mas ser transparente é muito mais que isso.
É ter coragem de se expor, de ser frágil, de chorar, de falar do que a gente sente...
Ser transparente é desnudar a alma, é deixar cair as máscaras, baixar as armas, destruir os imensos e grossos muros que nos empenhamos tanto para levantar...

Ser transparente é permitir que toda a nossa doçura aflore, desabroche, transborde!
Mas infelizmente, quase sempre, a maioria de nós decide não correr esse risco.
Preferimos a dureza da razão à leveza que exporia toda a fragilidade humana.
Preferimos o nó na garganta às lágrimas que brotam do mais profundo de nosso ser...

Preferimos nos perder numa busca insana por respostas imediatas à simplesmente nos entregar e admitir que não sabemos, que temos medo!
Por mais doloroso que seja ter de construir uma máscara que nos distancia cada vez mais de quem realmente somos, preferimos assim: manter uma imagem que nos dê a sensação de proteção...
E assim, vamos nos afogando mais e mais em falsas palavras, em falsas atitudes, em falsos sentimentos.

Não porque sejamos pessoas mentirosas, mas apenas porque nos perdemos de nós mesmos e já não sabemos onde está a nossa brandura, nosso amor mais intenso e não contaminado.

Com o passar dos anos, um vazio frio e escuro nos faz perceber que já não sabemos dar e nem pedir o que de mais precioso temos a compartilhar, doçura, compaixão... a compreensão de que todos nós sofremos, nos sentimos sós, imensamente tristes e choramos baixinho antes de dormir, num silêncio que nos remete a uma saudade desesperada de nós mesmos... daquilo que pulsa e grita dentro de nós, mas que não temos coragem de mostrar aqueles que mais amamos!

Porque, infelizmente, aprenderemos que é melhor revidar, descontar, agredir, acusar, criticar e julgar do que simplesmente dizer: 'Você está me machucando... pode parar, por favor?'.

Porque aprendemos que dizer isso é ser fraco, é ser bobo, é ser menos do que o outro.

Quando, na verdade, se agíssemos com o coração poderíamos evitar tanta dor, tanta dor...
Sugiro que deixemos explodir toda nossa doçura!

Que consigamos não prender o choro, não conter a gargalhada, não esconder tanto o nosso medo, não desejar parecer tão invencível.

Que consigamos não tentar controlar tanto, responder tanto, competir tanto, que consigamos docemente viver, sentir, amar...
E que você seja não só razão, mas também coração, não só um escudo, mas também um sentimento.

Seja transparente, apesar de todo o risco que isso possa significar !.”

Lembrando que: " A vida atual é tão curta e a tarefa de vive-la é tão difícil que quando começamos a aprende-lá, já é hora de parti..." Sigamos na certeza de que......tudo passa!

Beijocas,

Texto do meu amigo Marcelo Defaro enviado a mim pelo Notlog
*

segunda-feira, 3 de maio de 2010

Lembranças de ti

Hoje lembrei de você e uma lágrima deslizou em meu rosto.
Pude sentir o toque de suas mãos acariciando minha pele e ouvi o murmuro dos seus lábio me dizendo:
- Não chore polaquinha... estou aqui com você!
Por alguns segundos senti o perfume que você usava, fechei meus olhos e pude ver sua imagem diante de mim...
Você sorria e suavemente acariciava meus cabelos dizendo:
- Sorria sempre, você brilha quando sorri!
Os anos se passaram e hoje fazem sete anos que você partiu...mas eu ainda sinto sua presença junto a mim...
Sua alegria e jovialidade estão vivas na minha lembrança e por mais que o tempo passe eu nunca vou te esquecer...
Te sinto mesmo que ausente...
Te vejo mesmo sendo impossível, porque tu não estás mais aqui;
mas sua presença ainda vive dentro de mim...
Te amei como amigo, amante e irmão...
Um dia quem sabe ainda nos veremos; não aqui, mas lá...
Quando?
somente o Tempo dirá...

Com carinho para:
Hugo Arthur Pinto
(Faleceu em acindente de moto em 2003, na cidade de Santo ângelo,RS)

POSTAGENS ANTIGAS

Minha Mãe: MARIA BIESEK MILCHAREK

Minha Mãe: MARIA BIESEK MILCHAREK
Amor para toda vida!!!

Avô materno: JACOB BIESEK

Avô materno: JACOB BIESEK

Avô Paterno: JACÓ MILCZAREK

Avô Paterno: JACÓ MILCZAREK

Avó paterna: FELÍCIA MILCZAREK

Avó paterna: FELÍCIA MILCZAREK