.

.
.

MEUS SEGUIDORES

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

AMOR ETERNO


Podem existir trevas, espinhos, desilusões, tristezas e amarguras...
O mundo está cheio de egoísmo e ódio, mas não podemos nos deixar afetar por esses
sentimento que só nos levam para trás.
Por tanto tempo pensei não vê-lo nunca mais,
no entanto estamos aqui junto e felizes novamente...
Acreditei ter desacreditado no acaso, mas o acaso não existe isso agora eu sei.
Não consigo fugir e pensar que tudo é ilusão; porque não é.
Nossas vidas estão entrelaçadas por amor e cumplicidade; ternura, loucura e paixão.
Não quero te perder e só peço a Deus que nos perdoe e nos abençoe!

3 comentários:

Naty Costa disse...

Que lindoooo! Te adimiro muito

Francisco Teixeira Xico Branco disse...

Parabéns poetisa! Tava buscando uma bela imagem e achei essa sua, a surrupiei para meu blog (com os devidos créditos ao seu). Coincidência foi ler que no mesmo ano que você foi destaque especial do RS na Revista Nacional Brasília, 1999, eu fui destaque do Amazonas. Coisas da vida! Forte abraço e trilhe sempre mais esse belo caminho poético.

Cattanho disse...

Passeando pelo Blog encontrei o seu poema. Coisas da alma é tudo, então parabenizo o seu trabalho.
Um grande abraço.

POSTAGENS ANTIGAS

Minha Mãe: MARIA BIESEK MILCHAREK

Minha Mãe: MARIA BIESEK MILCHAREK
Amor para toda vida!!!

MINHA MÃE

MINHA MÃE
Maria Biesek Milcharek

MEU PAI

MEU PAI
Wladislau Milcharek

Avô materno: JACOB BIESEK

Avô materno: JACOB BIESEK

AVÓ MATERNA

AVÓ MATERNA
Genovefa Novakowski Biesek

Avô Paterno: JACÓ MILCZAREK

Avô Paterno: JACÓ MILCZAREK

Avó paterna: FELÍCIA MILCZAREK

Avó paterna: FELÍCIA MILCZAREK