.

.
.

segunda-feira, 25 de julho de 2011

LUCAS E LUAN / TEMPO

Eu nem lembrava mais seus lindos traços e desses beijos tão longes dos meus
Eu nem lembrava mais dos seus abraços, foi esse o preço do nosso adeus
Mas de repente, tão perto de mim àquele antigo jeito de me olhar
Eu que achava que existia fim, vi nos teus olhos tudo recomeçar

Tempo que cura tanta coisa e não quer me curar
Os anos vão passando sem você voltar
Tempo que cura o sentimento e a dor não chega ao fim
Por fora nego mas por dentro judia de mim [x2]

Tento mostrar o meu desinteresse, mas já não posso mais me enganar
O mesmo deus ouviu as minhas preces, daí me entrego, não posso evitar
Mas uma noite dessa longa história, eu sempre achando que chegou ao fim
Mas quando eu penso que acabou pra sempre, alguma coisa traz você pra mim

Tempo que cura tanta coisa e não quer me curar
Os anos vão passando sem você voltar
Tempo que cura o sentimento e a dor não chega ao fim
Por fora nego mas por dentro judia de mim [x2]

Por fora nego, mas por dentro judia de mim
E eu sempre achando que chegou ao fim

Nenhum comentário:

POSTAGENS ANTIGAS

Minha Mãe: MARIA BIESEK MILCHAREK

Minha Mãe: MARIA BIESEK MILCHAREK
Amor para toda vida!!!

Avô materno: JACOB BIESEK

Avô materno: JACOB BIESEK

Avô Paterno: JACÓ MILCZAREK

Avô Paterno: JACÓ MILCZAREK

Avó paterna: FELÍCIA MILCZAREK

Avó paterna: FELÍCIA MILCZAREK