.

.
.

terça-feira, 20 de setembro de 2011


Sou a natureza espalhada pelo chão
Se hoje estou aqui
De amanhã nada sei...
Quero viver o hoje...
O agora!
Cadê você?
Que aparece como um príncipe
e desaparce com um fantasma...
Cadê?
Nem precisa mais vir
Pois não quero nem saber
Porque agora sou eu
Que não quero mais você!





Nenhum comentário:

POSTAGENS ANTIGAS

Minha Mãe: MARIA BIESEK MILCHAREK

Minha Mãe: MARIA BIESEK MILCHAREK
Amor para toda vida!!!

Avô materno: JACOB BIESEK

Avô materno: JACOB BIESEK

Avô Paterno: JACÓ MILCZAREK

Avô Paterno: JACÓ MILCZAREK

Avó paterna: FELÍCIA MILCZAREK

Avó paterna: FELÍCIA MILCZAREK